quarta-feira, 10 de março de 2010

Incentivo ou prevenção?

Um estudo que revela que os adolescentes de 12 a 14 anos estão fazendo mais sexo e com menos proteção motivou uma empresa a criar uma mini-camisinha. Batizada de Hotshot, o produto é uma resposta aos adolescentes que não conseguiam obter proteção adequada com os preservativos tradicionais.

Com 4,5 cm de diâmetro, em vez dos 5,2 cm de uma camisinha normal, a novidade é produzida pela Lamprecht AG, a principal fabricante de preservativos da Suíça. Em relação ao comprimento, a Hotshot terá o tamanho idêntico aos modelos tradicionais, de 19 cm. O preço estimado na Suíça é de 7,6 francos (cerca de R$ 11) para cada pacote de seis unidades.

Segundo informações do jornal The Daily Telegraph, a empresa já anunciou que pretende expandir as vendas para o Reino Unido, que tem a maior taxa de gravidez na adolescência da Europa.

Para pensar o novo produto, a Lamprecht AG utilizou vários estudos sobre sexualidade na adolescência. O ponto de partida foi um levantamento realizado pela Comissão Federal para a Infância e Juventude da Suíça com 1480 jovens entre 10 e 20 anos. A pesquisa concluiu que os adolescentes entre 12 e 14 anos estão fazendo mais sexo em comparação a década de 1980.

Quem quiser ler mais:
http://virgula.uol.com.br/ver/noticia/news/2010/03/05/241285-empresa-vai-lancar-mini-camisinha-para-adolescentes-de-12-a-14-anos/

é aí que eu lhes pergunto:
Incentivo ou prevenção?
Mais uma vez, a sociedade combate o efeito, e não a causa.

2 comentários:

  1. oO É uma camisinha que fica mais 'justa' no pinto da molecada??? kkk

    ResponderExcluir
  2. kkkk pois é... cada uma que me aparece :P

    ResponderExcluir